quarta-feira, 23 de março de 2016

GASTRONOMIA PARA TODOS - CURSOS

É com grande satisfação que apresento o Programa Gastronomia para Todos

São diversos cursos oferecidos para todos que amam a nutrição, cozinheiros domésticos, aprendizes de cozinheiros!



Maiores informações e inscrições acesse o site



   HORÁRIO   




19h às  22h


   INVESTIMENTO   



R$ 200,00 cada curso


   LOCAL   



Rua Desembargador do Vale, 893
Perdizes  / São Paulo

terça-feira, 14 de abril de 2015

Segunda turma - WORKSHOP NUTRIAÇÃO

Estamos com inscrições abertas para a segunda turma do Workshop que une NUTRIÇÃO e COACHING!

Dia 29/04/15

Horário: 18:30 às 22:30

Rua Cubatão, 97

Informações adicionais: nutri.vivianelago@yahoo.com.br  /  adriana@actuscoaching.com.br

Investimento: 
R$ 100,00 - até dia 27/04
R$ 120,00 - dia 28 e 29/04


Inscrições no link: https://docs.google.com/forms/d/1wgxEobJjG4xzim5oWYKLqxtswl7E_LKUimFBgIhY114/viewform?usp=send_form

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Super feliz de inciar um novo projeto, união da Nutrição e Coaching.

O Workshop acontecerá na próxima quarta feira, dia 08/04/2015!

Grande abraço!

Viviane



domingo, 4 de maio de 2014

Vídeo interessante sobre o Desperdício

Vale a pena repensar ....

Com certeza ajudará o Mundo e Você a fazer MELHORES escolhas!

Grande abraço!

Viviane Lago



sexta-feira, 7 de março de 2014

Consumo de Açúcar

A OMS (Organização Mundial da Saúde) abriu uma consulta pública para rever a ingestão máxima de açúcar por dia. Atualmente coloca-se que o açúcar deve representar menos do que 10% da energia total diária.  A nova proposta da OMS é que esta quantidade seja reduzida para 5% da ingestão energética total,  por dia.

Esta redução seria capaz de trazer mais benefícios.

Quando falamos de açúcar estamos falando de todos os tipos, como glicose, frutose e sacarose (açúcar de mesa) adicionados pela indústria ou até em casa. Devemos lembrar também que o açúcar encontrado naturalmente no mel está na lista. Por isso sempre digo, nao confundam o que é natural, não engorda e pode ser consumido mais livremente...

Cuidado com o açúcar embutido em diversos alimentos.  Uma latade refrigerante, por exemplo,  contém até 40g de açúcar, mesma coisa que 10 colheres de sopa de açúcar!!!

Este projeto surgiu frente a diversas pesquisas que relacionam o açúcar com o excesso de peso e a presença de cáries das crianças e adultos.

Quem quiser comentar a consulta pública deve apresentar uma declaração de interesses entre os dia 05 e 31 de março.

Profissionais da saúde,  vamos participar.

Fonte: http://www.who.int/en/

Grande abraço.

Viviane

Feliz dia das Mulheres

Ótima data para retomar as matérias no blog...

Gostaria muito que escrevam temas de interesse para discussão!

Agradeço pela votação,  mais uma vez estamos como finalista da primeira fase....

Grande abraço

Viviane

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Manteiga ou Margarina???

 Manteiga ou Margarina?

Para aqueles que consomem café da manhã, é comum ouvir que não fica sem: café com leite e o pão com manteiga. Mas quando perguntamos, manteiga ou margarina, aí dizem, “ah sim, é margarina”.

Muitas pessoas ainda não sabem a diferença, ou acreditam que a manteiga é a grande vilã.

A verdade é que são coisas diferentes.

A manteiga é feita a partir do leite, sendo assim, é de origem animal e contém gorduras saturadas e colesterol.

A margarina surgiu em substituição à manteiga, já que está poderia aumentar o colesterol sanguíneo. Inicialmente foi feita pelo processo de hidrogenação, com óleos vegetais. Acreditava-se então que ela seria a melhor opção, já que não apresentava colesterol e nem gordura saturada. Porém veio a descoberta das gorduras trans. Um tipo de gordura maléfica para a saúde do nosso coração, já que as gorduras trans podem prejudicar o colesterol, aumentando o LDL colesterol (gordura que “gruda” nas paredes das artérias) e reduzindo o HDL colesterol (gordura que retira a gordura “grudada” nas artérias).

Novamente, um problema. Então a indústria aperfeiçoou novamente e “criou” o processo de interesterificação, método que não incorpora as gorduras trans. Segundo documento da Sociedade Brasileira de cardiologia (I Diretriz sobre o Consumo de Gorduras e saúde Cardiovascular, 2013) ainda não se sabe ao certo o real efeito do rearranjo de ácidos graxos deste processo sobre os parâmetros metabólicos e de desenvolvimento da ateroesclerose. O que se sabe é que existe grande predominância de ácidos graxos saturados na gordura interesterificada de utilização industrial.

A verdade é que tudo isto causa enorme confusão nos consumidores!

Sendo assim, qual a melhor opção?

MODERAÇÃO!!!

Sempre recomendo que a quantidade é importante neste caso, qualquer uma pode ser consumida desde que uma pequena porção no café da manhã.

Outra recomendação, é sempre ler rótulos, e preferir alimentos com menor teor de gorduras, sejam elas, saturas, colesterol e trans, assim como baixo teor de sódio, que também não é amigo do nosso coração!

Vamos pensar em qualidade de vida, incorporar hábitos alimentares e de vida saudáveis.

Variedade e equilíbrio são palavras chaves!

Grande abraço!

domingo, 4 de agosto de 2013

Bons motivos para o café da manhã!



      Pesquisadores de Harvard acompanharam cerca de 27 mil homens por mais de 16 anos e descobriram que aqueles que NÃO realizavam o desjejum (café da manhã) regularmente apresentavam maior risco de ataque cardíaco e morte por doença coronária.

     Os pesquisadores também chegaram a conclusão de que a falta do café da manhã pode levar à obesidade, pressão alta, colesterol elevado e diabetes, todos considerados importante fator de risco para as doenças cardíacas.

Para quem tiver interesse de ouvir o podcast completo, acesse:
http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/videos/news/Breakfast_072313-1.html


Grande abraço!

Viviane

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Semana Mundial da Amamentação



É comemorado nesta semana - 01 a 07 de agosto - a Semana Mundial da Amamentação em mais de 170 países com objetivo de incentivar e melhorar a saúde dos bebês em todo o mundo!

O aleitamento materno é a melhor forma de fornecer aos recém-nascidos todos os nutrientes de que necessitam.

A OMS recomenda o aleitamento materno exclusivo até seis meses de idade, e preconiza que se continue amamentação, com a adição de alimentos complementares nutritivos por até dois anos ou mais.



Fonte: http://www.who.int/mediacentre/events/meetings/2013/world_breastfeeding_week/en/index.html

Vamos incentivar! É importante, é uma boa ação é é saúde!!!

Grande beijo!!

Viviane

terça-feira, 23 de julho de 2013

Diferença entre diet, light e zero

Publico hoje uma entrevista da nutricionista Isabela Pimental.
Explicação fácil para compreender estes termos que deixam muitos consumidores confusos!
Parabéns Isabela!
Grande abraço
Viviane